Domingo, 1 de Julho de 2007

CORTES-LEIRIA(7)

Notícias...
A memória de Mestre Cordeiro no Alqueidão
A Filarmónica das Cortes, no âmbito das comemorações dos seus 125 anos, deliberou homenagear um dos seus associados e filhos ilustres - o Mestre António Cordeiro Gonçalves, propondo a realização de um busto em alto relevo inserido numa placa evocativa para colocar na casa onde ele nasceu em 29 de Julho de 1929, no Alqueidão das Cortes. Essa proposta foi aceite sem reservas e a iniciativa foi em frente.
Tal como indicámos na última edição, essa homenagem teve duas fases.
A primeira constou de missa na igreja paroquial no dia 29 de Julho, data do aniversário natalício do Mestre Cordeiro e também da sua morte. Foi celebrada pelo Pároco que se referiu ao evocado em tons elogiosos. O Coro da Igreja deu o seu contributo com cânticos alusivos e a própria Filarmónica das Cortes interpretou uma peça no final da celebração. Estiveram presentes alguns familiares do Mestre, especialmente o seu filho, Professor Vítor Cordeiro, aliás actual Presidente da Assembleia Geral da Filarmónica das Cortes, a esposa deste e outros responsáveis como o Presidente da Direcção da Filarmónica, Gabriel Vieira, a Presidente da Assembleia Geral da Federação Distrital de Bandas, Dra. Esmeralda Faria, a Directora da Casa-Museu João Soares, Dra. Ana Mercedes, e o Presidente da Junta de Freguesia, José Alves, entre outros.
A segunda foi a homenagem propriamente dita, no Largo dos Cordeiros, no Alqueidão. Foi no dia 2 de Agosto, pelas 17 horas, numa tarde ensombrada pela vaga de incêndios que varreram a zona serrana da freguesia das Cortes. Com os principais responsáveis autárquicos da Junta, do Concelho e do Distrito ocupados na gestão da crise levantada pelos incêndios, foram os seus representantes ou delegados que estiveram no Alqueidão para assistir ao descerramento da lápide e busto em alto relevo evocativos de António Cordeiro Gonçalves, músico, mestre, compositor, cidadão e cortesense ilustre. É um trabalho artístico da autoria do escultor Fernando Marques, da Abadia, que uma vez mais colaborou graciosamente com a Filarmónica das Cortes.
No Largo dos Cordeiro formaram as duas Filarmónicas que mais tempo tiveram o privilégio de contar com a colaboração do Mestre Cordeiro - a das Cortes e a da Caranguejeira. Cada uma tocou o seu hino e depois, as duas, cantaram uma peça da autoria do Mestre Cordeiro. O Presidente da Direcção da Filarmónica, Gabriel Vieira, acompanhado pelos representantes da Câmara e do Governo Civil, descerrou então a lápide, que estava coberta com a bandeira nacional, sendo o acto aplaudido pelo público e bandas presentes, mais os representantes das bandas dos Pousos, das Chãs e do Arrabal e ainda um representante do Orfeão de Leiria.
Tiveram então lugar os discursos da praxe, primeiro o do Presidente da Direcção da Filarmónica das Cortes, Gabriel Vieira, que sintetizou a biografia de António Cordeiro Gonçalves, enaltecendo os seus atributos de homem e de músico e agradecendo ainda ao escultor Fernando Marques a sua colaboração artística.
Outros teceriam ainda algumas considerações, terminando a sessão com a intervenção do Professor Vítor Cordeiro Gonçalves, filho do Mestre Cordeiro, o qual agradeceu publicamente a homenagem e o marco que fica a perpetuar a memória do pai naquela casa do Alqueidão onde nasceu. Referiria ainda uma curiosidade importante: tinha consigo um CD editado pela UNESCO com músicas de bandas filarmónicas de todo o mundo, sendo que a banda portuguesa interpretava um tema do Mestre Cordeiro designado "Os meus 82 [anos]". Disso falaremos proximamente.
No Largo dos Cordeiros foram dispostas depois algumas mesas onde teve lugar um pequeno lanche de convívio. Com Mestre Cordeiro lá na placa, olhando placidamente estes que agora o evocaram, certamente satisfeito por o seu trabalho ser reconhecido e a sua memória ficar agora bem patenteada.
LINKS RELACIONADOS:
 
publicado por alfredocr às 03:10
link do post | comentar | favorito
|

*Afredocr*

Obrigado Visitante


*Posts recentes*

RANCHO FOLCLÓRICO DE PARC...

RANCHO FOLCLÓRICO DE S GU...

XXVI ANIVERSÁRIO ASSOCIAÇ...

FESTA EM VALE DA PEDRA EM...

XXVI ANIVERSÁRIO DO RANCH...

MAGUSTO E PROVA DE ÁGUA P...

O RANCHO FOLCLÓRICO DO PE...

STACATTO COMPANHIA DE DAN...

ENCONTRO MULTICULTURAL-LI...

CONCERTO DO 115º ANIVERSÁ...

m|i|mo – museu da imagem ...

Reconstituição do Mercado...

VI Festa das Colectividad...

CONCERTO DE INÍCIO DE ÉPO...

FESTA DO SENHOR DOS MILA...

TASQUINHAS DAS CORTES LEI...

XXX FESTIVAL DE FOLCLORE ...

VI Festibatalha Batalha 3...

XXIV Festival de Folclore...

Festas em Honra da Santís...

36º ANIVERSÁRIO DO RANCHO...

FIABA 2011- XXI FEIRA DE ...

CONCERTO DE MAIO - CHÃSIN...

20º FESTIVAL FOLCLORE DO ...

JANTAR DE CONFRATERNIZAÇÃ...

FESTIVAL REGIONAL DE FOLC...

CARNAVAL 2011 CARREIRA LE...

FESTA EM HONRA DE S.AMARO...

FESTA DAS CHOURIÇAS ILHA ...

86º ANIVERSÁRIO DA FILARM...

tags

"festa da bidoeira de cima 2010"(5)

"festa s.amaro"(5)

"golden bar"(4)

barreira(4)

batalha(27)

bidoeira cima(6)

bidoeira de cima(7)

chãs(4)

cortes(4)

festival folclore(4)

figueiras(6)

freguesia monte real(8)

ilha(12)

leiria(115)

leiria diario leiria(8)

monte redondo(4)

ortigosa(8)

pombal(15)

rebolaria(4)

tasquinhas(4)

todas as tags

*Arquivos*

Novembro 2013

Outubro 2013

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Março 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

blogs SAPO

subscrever feeds